Loading

Jovens-turcos

Todos já terão reparado que, nos últimos tempos, os noticiários e os jornais se encheram de uma misteriosa expressão: «jovens turcos». Como as imagens que acompanham a expressão não mostram jovens oriundos da Turquia, decidi investigar a expressão para melhor a compreender. Os dicionários de língua portuguesa não a reconhecem. Nenhum dos que consultámos atribui […]

ler mais

Palavras e usos de antanho: “Tudo fino!”

Em tempos não muito idos, a palavra “fino” tinha dimensões hoje quase desconhecidas e muito pouco utilizadas. Aqui vai uma história cheia de “finos”, em várias aceções, num ambiente ficcionado, de antanho, que bem poderia situar-se na primeira metade do século XX. – Então, lá por casa, está tudo fino, ó Simão? – Estão todos […]

ler mais

É fantástico! Será?…

É uma moda que já teve mais seguidores. Mas continua a ter bastantes entre certos grupos ligados ao entretenimento e à comunicação social. Refiro-me à adoção do adjetivo “fantástico” para qualificar tudo o que seja bom, desde o bonzinho até ao muito bom, mas que se queira apresentar como acima de muito bom. Não me interpretem […]

ler mais

Epifanias linguísticas – Os palitos são ¡espantosos!* ou ¿espantosos?

Retomando o tema das epifanias linguísticas, muitas são as que me acometem atravessando do espanhol para o português e vice-versa. Nada de estranho, considerando a origem destas duas línguas ou, melhor ainda, considerando o facto de, aparentemente, não terem divergido muito entre si. Mas falemos de epifanias. Há não muito tempo, ouvi uma mãe espanhola […]

ler mais

Comunicar com estrangeiros: às vezes o que parece não é…

Sendo eu uma convicta praticante da troca de casas, recebo com certa frequência propostas de vários lugares do mundo. Algumas simpáticas famílias estrangeiras esforçam-se por vencer eventuais barreiras linguísticas recorrendo à tradução automática das mensagens que enviam. E é por esta razão que, às vezes, me encontram a rir sozinha diante do PC. A última […]

ler mais

Epifanias linguísticas – Beefs & Frogs

De vez em quando acontecem-me epifanias linguísticas, nada de muito grave – coisa que se resolve com bons dicionários que permitam fazer o caminho até à etimologia das palavras. O que se passa é que, não raro, estabelecem-se no meu cérebro ligações entre palavras que normalmente convivem, sem suspeitarmos de que sejam da mesma família. […]

ler mais

Suíças, matacões, moscas, peras e passa-piolhos

Suíças, moscas e passa-piolhos… Eis mais umas quantas palavras que já não constam, na sua maioria, do vocabulário dos mais novos, pelo menos na aceção capilar. Estão então estas três palavras associadas por se tratarem todas de opções capilares masculinas, que, com o tempo, têm estado mais ou menos na moda. Começando pelas suíças, estamos […]

ler mais